Sesau apresenta para a 4ª Região de Saúde o projeto de pactuação

15 Mai de 2015 – 14:22

Integrantes dos nove municípios que compõe a região estiveram presentes

A secretária de Estado da Saúde, Rozângela Wyszomirska, coordenou nesta sexta-feira (15), em Capela, a reunião da Comissão Intergestora Regional (CIR), com integrantes dos nove municípios que compõem a 4ª Região de Saúde. O encontro teve como propósito analisar e consolidar a pactuação e reorganização das redes de Atenção à Saúde.

No encontro, a secretária de saúde, prefeitos, superintendentes e coordenadores da Sesau, técnicos e gestores da área de saúde, além de diretores do Cosems, abordaram ainda pontos de apresentação da Programação Pactuada Integrada (PPI), Pactuação das Unidades descentralizadas do CEAF e glaucoma, capacitação do APL- fitoterápicos para os profissionais de saúde, bem como a porta de entrada da Rede de Urgência e Emergência da 4ª Região de Saúde.

Os pontos do Projeto Piloto foram apresentados durante o encontro, e têm como meta beneficiar diretamente a população dos municípios de Mar Vermelho, Pindoba, Paulo Jacinto, Chã Preta, Atalaia, Cajueiro, Viçosa, Quebrangulo e Capela, com serviços de acesso e a garantia da assistência para os usuários do SUS, e ainda com a otimização de recursos dentro da pactuação entre o governo de Alagoas e os municípios.

Em sua fala, a secretária Rozângela Wyszomirska reafirmou o compromisso do governo de Alagoas em oferecer todo suporte necessário para os municípios, no tocante aos pontos apresentados na pactuação. Segundo ela, a discussão e a elaboração do projeto piloto foram possíveis graças ao entendimento de todos os gestores e técnicos da saúde.

“O Projeto Piloto que foi construído para a 4ª Região de Saúde será referência para Alagoas e para o Brasil, foi fruto de um trabalho coletivo e que trará avanços significativos para os municípios da região”, assegurou Rozângela Wyszomirska.

Para o prefeito de Capela, Eustaquinho Moreira, o projeto Piloto da 4ª Região de Saúde é um marco histórico e demonstra a vontade política do governo e o esforço dos gestores e técnicos da saúde, numa parceria exitosa. “Isso representa a capacidade técnica de todos os setores envolvidos e que vai trazer benefícios e avanços dos serviços de saúde da região”.

Alessandro Ramos, secretário de saúde de Capela, destaca que o projeto é uma construção coletiva, um momento único para a saúde da região e marca um novo momento para os serviços de saúde. “Demonstra um esforço coletivo, o comprometimento e determinação dos técnicos e gestores da saúde”.

A presidente do Cosems, Normanda Santiago, ressalta que a elaboração do projeto Piloto para a 4ª Região é uma iniciativa louvável e define a reorganização dos serviços de saúde, com a pactuação entre os gestores municipais e o governo de Alagoas, por meio da Secretaria da Saúde (Sesau). “O projeto visualiza como ficam a oferta dos serviços e a garantia da assistência dos serviços”, constata Normanda.

Os gestores municipais decidiram que estarão reunidos, na próxima quarta-feira, a partir das 9h, na sede do Cosems, para uma avaliação das propostas apresentadas pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). Pelo projeto, serão definidas as referências para os serviços de Obstetrícia, Saúde Mental, exames de imagens e a Rede de Urgência e Emergência, além de investimentos financeiros e de equipamentos.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *